Todos os horários+horarios
mulheres

Conheça a sologamia, a nova tendência de se casar consigo mesma

Até pouco tempo atrás, nós, mulheres vivíamos sob a ameaça de um fenômeno social peculiar. Estar solteira a uma certa idade acarretava, no nosso meio, toda uma série de consequências: a preocupação de nossas mães e avós, a obsessão de nossas amigas em irmos a encontros amorosos às cegas, os boatos dos colegas de trabalho e os olhares desconfiados de desconhecidos.

Felizmente, as coisas começaram a mudar. Atualmente, nós, mulheres, estamos conseguindo demonstrar que não estar em um relacionamento também pode ser uma escolha. E para confirmá-lo, surgiu uma prática maravilhosa: a sologamia!

 

Grace Gelder, fotógrafa e pioneira dessa nova tendência, afirma: “Fiquei solteira por quase 6 anos, durante os quais construí uma relação brilhante comigo mesma”. Depois, ela optou pelo autocasamento. Foi o que fez também a escritora britânica Sophie Tanner, que, por sua vez, teve uma lua de mel inesquecível.

 

A sologamia consiste, basicamente, em aprender a apreciar os inúmeros prazeres da solidão, confirmando que é possível ter uma vida plena, com amor e felicidade, sem a necessidade de estar em um relacionamento. Trata-se de conhecer e amar a nós mesmas, amar nossa independência, nossa energia e nosso poder feminino.

Atualmente, as sologâmicas possuem várias possibilidades de celebrar sua união consigo mesmas (festas, leituras de votos de casamento diante dos familiares e amigos, anéis de noivado, etc.), e muitas empresas de organização de eventos ajudam a concretizar isso. 

 

Mas a verdade é que não é necessária uma cerimônia cara. A sologamia pode ser comemorada em cada ato cotidiano, até nas coisas mais pequenas: tomar o café da manhã na cama, assistir ao seu filme favorito sem que ninguém a interrompa, curtir uma longa caminhada ou o pôr do sol em silêncio absoluto. As possibilidades são infinitas.

 

E você, se considera uma sologâmica?

 

Não perca a nova temporada de  JANE THE VIRGIN. ESTA QUARTA, às 21h10.